Sem categoria

Mêo

Mêo

Comprei passagens e vou conhecer, pela primeira vez, a Virada Cultural de São Paulo. Ir a São Paulo é um evento, levando em consideração que toda oportunidade que eu tenho vou para o Rio pegar uma prainha – coisa de mineiro, considerando também que meu cunhado morá lá. E é um evento também porque provoca angústia – eu fico aflita para tentar lembrar quais eram todos aqueles crafts, artes, livros e colares que eu vi em sites por preços ótimos, mas não tive coragem de comprar por causa do frete (economia estúpida). Depois penso em todos os posts da Dani Arrais e todos os lugares que queria conhecer, para acabar o dia quase querendo desistir dessa viagem insana. Para piorar, logo depois que eu comprei, as passagens ficaram 70 reais mais baratas e eu quis pular do segundo andar do meu prédio umas três vezes. Para piorar ainda mais, liberaram a programação completa da Virada, o que gerou a dúvida existencial: como uma pessoa que não tem habilidade de escolha, decisão ou ponderamento vai a um evento desses? Lucas vai conhecer São Paulo pela primeira vez, e a animação dele me empolga um pouco.

Eu já fui a São Paulo algumas vezes, mas considero que conheci melhor a cidade na minha última visita, em 2010. Reunimos algumas amigas para fazer um acampamento organizado na casa de um amigo que trabalhava na Folha e, de quebra, assistir ao show do Paul McCartney. Vale ressaltar que eu sou daquelas que prefere o rock secão dos Rolling Stones e a psicodelia do Pink Floyd ao mimimi dos fãs dos Beatles, que me matam de preguiça, mas foi uma experiência legal. Conheci a Liberdade, Praça da Sé, Galeria do Rock, Pinacoteca, Museu da Língua Portuguesa, o Studio SP (com um show ótimo do Cidadão Instigado) e, obviamente, posei para uma foto na esquina da Ipiranga com a avenida São João. Não aconteceu nada de muito especial no meu coração, mas voltei dali acreditando que São Paulo é a cidade onde o tédio não tem vez. Agora com os novos boatos da cidade com “bares de almas tão vazias”, planejo minha viagem de volta e assumo: estou ansiosa!

***
Enquanto compro passagens e planejo esse post surgiu, de última hora, a necessidade de passar esta semana em São Paulo a trabalho. Mas essa não conta!

Leave your comment

Related